terça-feira, 10 de agosto de 2010

Primeiro dia de aula

Começo de semestre sempre me faz pensar (em quantos "adolescentes" entraram na faculdade e em como os que estão nos períodos iniciais são sonhadores... e barulhentos!) e prometer coisas (não ficar de final em nenhuma disciplina, pagar as que estão atrasadas).
Dessa vez eu variei. Fiquei pensando mais é que to no penúltimo período de Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo. Pensando que eu num tenho vocação para redações, nem pra ser uma pessoa imediata e informada como todo bom jornalista.
E fiquei pensando na decadência da profissão. E que existem sim, ótimos profissionais. Mas que com essa lei (é uma lei?) que torna o diploma desnecessário no exercício do jornalismo, as coisas só vão decair ainda mais. (Mas nem posso falar disso porque é um assunto que eu não domino. Você vai dizer que eu serei uma péssima jornalista, mas, meu bem, nem boa nem má jornalista eu creio que serei!)
O que me leva a uma pergunta: o que farei com meu diploma, se exercer eu num quero e se ele nem me servir, de qualquer forma?
Talvez emoldurar e colocar na parede. E um dia quem sabe usá-lo para contar histórias aos meus filhos. Histórias de quando o diploma era valorizado nas redações. Histórias de sonhos de escrever. Sonhos de ser cronista ou colunista. Histórias de primeiro dia de aula.


P.S. Você quer informações sobre toda a coisa jurídica em torno do diploma de jornalismo? Meu blog é o lugar errado. Clique aqui para ser uma pessoa mais informada do que eu. Um beijo.

4 comentários:

S. disse...

kkkk! Se tu pegar teu diploma ne?! Pq até hoje eu não peguei o meu, nem pra fazer de tapete ;) Mas você tem que agradecer a Deus, por ser uma entre as migalhas de pessoas que tem um curso superior! Pelo menos se for presa tem como fazer um escandalo pra ficar em cela especial (kkkk, e vai ficar mesmo pq eu nao vou te soltar nao) Você já é uma escritora! Só falta ser descoberta pelas grandes revistas! Ou entao vem trabalhar comigo \o/ vamos, please! Você faz a audiencia de quinta! Beijo,socia!

Lia Araújo disse...

Senti a revolta daqui!

As coisas melhoram ;D
Se tudo sair errado, passa num concurso e vira servidora pública...

Mas, como disse sua irmã aí acima, vc já é uma escritora, só tem que lapidar isso ;]

Sensibilidade e estranhamento é o primeiro passo.

bjos Deyse

Pipa. Agora eu era o herói. disse...

O futuro às vezes parece uma porta mal assombrada. A gente nunca sabe o que vai encontrar pelo caminho.

Que nos tomem tudo!
Menos os sonhos...

rs


Te compreendo.
Me compreendes.

Clara disse...

Bem complicada essa história di diploma de vocês.. achei uma falta de respeito!! É a mesma coisa se dissessem que uma pessoa não precisa ser licenciada em biologia para dar aulas. Total desvalorização do profissional..

beijosss